Kit Douro | Selecionado e Exclusivo 4U | 4U.wine

O seu carrinho está vazio

Continuar Comprando

4U Express - Receba no mesmo dia (consulte o seu CEP)

São Paulo e Rio de Janeiro

Para algumas localidade de São Paulo e Rio, pedidos realizados até 12h de seg. à sex. são entregues no mesmo dia, após este horário a entrega ocorrerá no dia seguinte.

Para demais localidades brasileiras, o prazo é o fornecido pelos correios ou transportadora contratada.

Entre em contato conosco através do email atendimento@4u.wine ou pelo WhatsApp (11) 96905-4826 caso precise receber os seus vinhos em um prazo mais rápido que o apresentado pelo nosso site. Faremos o possível para atendê-lo(a)!

Kit Douro

Intensidade e elegância


2 garrafas de 750ml

R$ 297,00

"Uma boca de grande persistência que termina com notas de coco." Manuel Vieira, Enólogo português e Expert 4U (sobre o Fazedouro by Lagolva 2015)

 

"Intensidade e persistência, mas sem pesar, por conta da alegre acidez." Maria Emília Atallah, Chef e Sommelière brasileira e Expert 4U (sobre o Palato Colheita do Côa 2014)

Calcular frete

"Uma boca de grande persistência que termina com notas de coco." Manuel Vieira, Enólogo português e Expert 4U (sobre o Fazedouro by Lagolva 2015)

 

"Intensidade e persistência, mas sem pesar, por conta da alegre acidez." Maria Emília Atallah, Chef e Sommelière brasileira e Expert 4U (sobre o Palato Colheita do Côa 2014)

Kit Douro

R$ 297,00
Conheça o conteúdo do kit
VINHO TINTO PORTUGUES FAZEDOURO BY LAGOALVA 2015

Fazedouro by Lagoalva 2015

Portugal - Douro

Intenso, Profundo e Elegante

  • Tinto

    14.5%

  • Touriga Franca, Touriga Nacional

  • Bordeaux

    16 a 18°C

Um vinho do Douro rubi muito intenso, na avaliação de Dirceu Vianna Jr. ou profundo, segundo Maria Emília Atallah. No que diz respeito ao nariz, detectaram, bem afinados, aromas de amora, compota e notas florais e um toque de especiarias de que destacam o cravo, a canela e a noz moscada. Manuel Vieira reconhece a presença da Touriga Nacional e realça os excelentes taninos caldeados por bom frescor, numa boca de grande persistência que termina com notas de coco. Dirceu e Maria Emília concordam e acrescentam: textura sedosa e sofisticada (Dirceu), frescor vibrante e fruta em perfeita maturação, um vinho invernal, quente (Maria Emília)!

Este vinho é de excelente qualidade podendo ser apreciado sozinho ou acompanhando pratos de forno, carnes grelhadas e de caça elaboradas e queijos curados, massas e risotos. Para Maria Emilia Atallah: “um vinho introspectivo, que nos aquece e pede pratos igualmente perfumados e preparações lentas. Um guisado de javali, por exemplo, acompanhado de abóboras rústicas de forno com especiarias de inverno (cravo, canela, noz moscada) fariam um ótimo casamento. Pratos com sotaques mediterrâneos, protagonizando a berinjela (moussaka ou lasanha de berinjela) também funcionam bem. Uma bela galinhada caipira, bem suculenta, ou mesmo um barreado paranaense são boas opções da nossa terra para este vinho intenso.”

Vinícola Quinta da Lagoalva

Enólogo Diogo Campilho e Pedro Pinhão

País Portugal

Região/Sub-região Douro/Douro Superior

Fatos interessantes Este vinho foi um projeto desta vinícola do Tejo de produzir um vinho do terroir do Douro. O porquê do nome Fazedouro tem portanto esta referência de “ir fazer no Douro”. Foram poucas safras produzidas e esta, até o presente momento foi a última safra produzida.

Notas do Enólogo De cor granada intensa e aroma elegante, tem no nariz notas de chocolate, amoras e violetas. Na boca é concentrado, profundo e termina longo com taninos elegantes. Se este vinho pudesse ser resumido em 3 palavras: intenso, profundo e elegante.

Castas Touriga Nacional (60%), Touriga Franca (40%)

Contribuição de cada casta para a personalidade do vinho A Touriga Franca aporta ao vinho uma sensação de volume de boca, maciez e elegância típica desta casta. A Touriga Nacional transmite fragância, perfume em exuberância e delicadeza. É o complemento destas duas castas e da safra em questão que fazem deste vinho único e prazeroso.

Idade média das videiras Vinhas velhas, sem precisão da idade

Tipo de viticultura Convencional

Área da propriedade 5 hectares

Área de vinhedos 5 hectares

Rendimento 4.000 litros/hectare

Condições climáticas e seus feitos sobre a safra Ano tranquilo, quente e sem problemas com as plantas.

Data da colheita 10/09/2015

Tipo de colheita Manual

Horário da colheita Diurno

Fatores condicionantes As vinhas de Touriga Nacional e a Touriga Franca se encontram em solo calcário e estão a uma altitude considerável aportando delicadeza, mineralidade e fragância.

Fatos vitícolas interessantes As vinhas se encontram em solos calcários que aportam delicadeza ao vinho, uma característica que o produtor diz sempre buscar.

Métodos de vinificação Pisa em lagar e extração suave.

Fermentação malolática Sim

Amadurecimento Em tanques de aço inoxidável por aproximadamente 6 meses e barricas de carvalho francês (Bordeaux - 225 litros), de 2o e 1o ano de uso, de tosta média, por 12 meses e estágio em garrafa por 12 meses (engarrafado em 02/2018).

Volume 750ml

Potencial de guarda 10 anos

para fazer o download é preciso estar logado

VINHO TINTO PORTUGUES PALATO DO COA COLHEITA 2014 GARRAFA

Palato do Côa 2014

Portugal - Douro

Fresco, Saboroso e “Guloso”

  • Tinto

    14%

  • Tinta Roriz, Touriga Franca, Touriga Nacional

  • Borgonha

    17 a 18°C

Um tinto do Douro Superior, da região de Foz Côa, com cor opaca, matiz rubi, mostrando juventude, na definição de Dirceu Vianna Jr.. “No nariz, é convidativo e generoso, exibindo um coquetel de frutas negras maduras da floresta, possuindo grande intensidade e pureza excepcional de frutas, bem como um caráter mineral atraente.” Maria Emília Atallah acrescenta: “Nariz com frutas caminhando para estado de compota (calda de amoras, framboesas maceradas), interessante mineralidade que traz certa austeridade.” Manuel Vieira realça a pureza e delicadeza do aroma. “Na boca, é redondo com uma textura cremosa, estrutura sofisticada e agradável, final persistente.” (Dirceu). “Intensidade e persistência, mas sem pesar, por conta do alegre frescor.” (Maria Emília) “Finura e sabor num vinho de nítida vocação gastronômica.” (Manuel Vieira). Maria Emília arremata: ”Um vinho elegante e fino!“

Este vinho é de excelente qualidade podendo ser apreciado sozinho ou acompanhando carnes vermelhas, massas e risotos. Para Maria Emilia Atallah, a nota mais relevante neste vinho é a mineralidade, ou seja, delicadeza com austeridade. Podemos então partir para pratos mais sofisticados e complexos. Um risoto de cogumelos e trufas casaria muito bem com sua finesse de aromas. Carnes mais delicadas, como codornas com farofinha de foie gras, filet de avestruz mal-passado ao poivre vert ou carré de vitela recheado com sálvia harmonizam perfeitamente com a elegância deste vinho.

Vinícola 5 Bagos Sociedade Agrícola, Lda

Enólogos Carlos Magalhães e Paulo Schreck

País Portugal

Região Douro

Fatos interessantes Produção de vinho somente com uvas próprias - todos os solos tem pH superior a 7,5. Terroir com este índice de pH é raro (também encontrado na região da Borgonha) do qual resultam vinhos mais frescos, elegantes, com aromas diferenciados e mais minerais.

Notas do Enólogo Se este vinho pudesse ser resumido em 3 palavras: fresco, saboroso e “guloso”.

Castas Touriga Nacional (40%), Touriga Franca (40%), Tinta Roriz (20%)

Contribuição de cada casta para a personalidade do vinho A Touriga Franca fornece volume, a Touriga Nacional, frescor e elegância, a Tinta Roriz dá corpo.

Idade média das videiras 20 anos

Tipo de viticultura Proteção integrada, onde são utilizadas a fauna e flora adjacentes para diminuir a aplicação de químicos. Análises do solo são realizadas para comprovar a não existências de substâncias químicas não autorizadas.

Área da propriedade 16 hectares

Área de vinhedos 15 hectares

Rendimento 3.000 litros/hectare

Condições climáticas e seus feitos sobre a safra Clima muito seco e com boas amplitudes térmicas.

Data da colheita 20/09/2014

Tipo de colheita Manual

Horário da colheita Diurno

Fatores condicionantes Seleção das uvas e muito trabalho de viticultura.

Fatos vitícolas interessantes Não há uso de herbicidas, pratica-se o mínimo necessário em termos de tratamento.

Métodos de vinificação Fruta e corpo com remontagens suaves e temperatura controlada.

Amadurecimento Em tanques de aço inoxidável e barricas de carvalho francês (300 litros), de 2 e 3 anos de uso, de tosta média, por 12 meses e estágio em garrafa por 12 meses (engarrafado em 09/2016).

Fermentação malolática Sim, sem adição de bactérias

Volume 750ml

Potencial de guarda 10 anos

para fazer o download é preciso estar logado